segunda-feira, 24 de maio de 2010

O LEGADO DOS PAIS. EXTRAÍDO.

"Sabendo que não foi com coisas corruptíveis, como prata ou ouro, que fostes resgatados da vossa vã maneira de viver que por tradição recebestes de vossos pais. Mas com o precioso sangue de Jesus Cristo, como de um cordeiro imaculado e incontaminado" (I Pe 1:18,19).

SABEMOS QUE O PRINCIPAL CANAL PELO QUAL DEUS NOS ABENÇOA SÃO OS NOSSOS PAIS. EM CONTRA PARTIDA, ESTE TEXTO FALA TAMBÉM SOBRE UM FÚTIL LEGADO, UMA VÃ MANEIRA DE VIVER QUE NOS É IMPUTADA POR TRADIÇÃO, CAPAZ DE ENGESSAR NOSSO COMPORTAMENTO E COMPROMETER O DESENVOLVIMENTO DA NOSSA PERSONALIDADE.
ESSE COMPONENTE CULTURAL DO SER HUMANO BASEADO NA CAPACIDADE DE MANTER TRADIÇÕES É TAMBÉM UM ALVO FAVORITO NO QUAL SATANÁS DESEJA ESTABELECER E PERPETUAR SEUS DESÍGNIOS. DESSA FORMA, ELE AGARRA NÃO APENAS UMA GERAÇÃO, MAS TODA UMA LINHAGEM FAMILIAR.

"E os que de ti procederem edificarão as ruínas antigas, e tu levantarás os fundamentos de muitas gerações, e serás chamado reparador da brecha, e restaurador de veredas para morar" (Is 58:12).

MUITOS CAMINHOS OU VEREDAS PRECISAM SER RESTAURADOS. MUITOS NÃO SÓ PERDERAM A CHAVE DE CASA, COMO TAMBÉM O RUMO DE CASA. ESTÃO AFASTADOS E PERDIDOS EM RELAÇÃO À VIDA. A FAMÍLIA TEM SIDO ARRUINADA E OS SEUS FUNDAMENTOS DESTRUÍDOS. ESSE VEM SENDO UM QUADRO CRÔNICO QUE TEM SUBJUGADO GERAÇÃO APÓS GERAÇÃO. DEUS PROCURA UM INTERCESSOR EM CADA FAMÍLIA. DEUS QUER ACHAR VOCÊ, ALGUÉM QUE TENHA ENTENDIMENTO DE TAPAR A BRECHA, MAPEAR A RAIZ DO PROBLEMA, RESGATANDO A FAMÍLIA DE TODO DIREITO E ARGUMENTAÇÃO DEMONÍACA PELO QUAL VEM SENDO DEVASTADA.
É NECESSÁRIO EXPLICAR MELHOR O QUE SIGNIFICA ESTA VÃ MANEIRA DE VIVER QUE, POR TRADIÇÃO, RECEBEMOS DE NOSSOS PAIS. AS BRECHAS ESPIRITUAIS DEIXADAS PELOS PAIS GERAM CONSEQUÊNCIAS E INFLUÊNCIAS NAS SUCESSIVAS GERAÇÕES. É IMPORTANTE ESCLARECER QUE OS FILHOS LEVAM A CONSEQUÊNCIA E NÃO A CULPA DOS PECADOS DOS PAIS. QUANDO ADÃO OPTOU PELO PECADO, A MORTE ENTROU NA SUA DESCENDÊNCIA, O QUE SE REFERE A RAÇA HUMANA. A MORTE É A CONSEQUÊNCIA DO PECADO DE ADÃO. HERDAMOS NÃO O PECADO DE ADÃO, PORÉM A MORTE QUE É A RESPECTIVA CONSEQUÊNCIA.
JEREMIAS, NAS SUAS LAMENTAÇÕES, EXPLICA A SITUAÇÃO DO POVO DE ISRAEL DECLARANDO ESTE PRINCÍPIO:

"Nossos pais pecaram, e já não existem, e nós levamos as suas iniquidades" (Lm 5:7).

ESSAS CONSEQUÊNCIAS VÊM NA FORMA DE MALDIÇÕES, CATIVEIROS, INFORTÚNIOS, INFLUÊNCIAS ESPIRITUAIS PERNICIOSAS, DOENÇAS FÍSISCAS E MUITOS OUTROS PROBLEMAS QUE DIFICULTAM A VIDA TENTANDO PROVOCAR O MESMO COMPORTAMENTO QUE SUSTENTE A BRECHA ESPIRITUAL QUE JÁ HAVIA SIDO ABERTA DESDE OUTRAS GERAÇÕES. ESSE É O PRINCÍPIO PELO QUAL UM LEGADO É PERPETUADO.
NÃO DEVEMOS INTERPRETAR TAIS LEGADOS DE MANEIRA FATALISTA, ANTES COMO REALIDADES QUE PODEM E DEVEM SER ALTERADAS ATRAVÉS DO PODER RESTAURADOR DO SACRIFÍCIO DE JESUS.
JESUS ENFATIZA ESSA PERSPECTIVA AO SER PERGUNTADO PELOS SEUS DISCÍPULOS EM RELAÇÃO A UM CEGO DE NASCENÇA (Jo 9:2,3).
NESSE CASO, JESUS ESCOLHEU NÃO ENFATIZAR NA SUA RESPOSTA O PORQUÊ DA SITUAÇÃO, MAS O PARA QUÊ. JUNTAMENTE COM TODO QUADRO DE NECESSIDADES, INFORTUNÍOS, MALDIÇÕES E IMPOSSIBILIDADES COEXISTE UMA POSSIBILIDADE DE MILAGRES. JESUS É ESSA POSSIBILIDADE DE MILAGRE.
PORTANTO, RESUMIR OS PROBLEMAS PRESENTES APENAS EM VIRTUDE DESSE COMPONENTE HEREDITÁRIO É UM ERRO, MAS OUTRO ERRO MUITO GRAVE É IGNORÁ-LO. PRECISAMOS LIDAR NÃO APENAS COM A CULPA RELATIVA AOS NOSSOS PECADOS, MAS TAMBÉM COM AS CONSEQUÊNCIAS DOS PECADOS NÃO RESOLVIDOS OU CONFESSADOS DOS NOSSOS PAIS. DESSA FORMA, VAMOS PARAR DE FALAR EM MALDIÇÕES HEREDITÁRIAS E COMEÇAR A FALAR NAS BÊNÇÃOS HEREDITÁRIAS.
QUANDO UM PECADO É REPETIDO EM VÁRIAS GERAÇÕES, ELE PODE SER DEFINIDO COMO INIQUIDADE, QUE ACARRETAM MALDIÇÕES, QUE PRENDEM TODA LINHAGEM E PRECISAM SER INTERCESSORIAMENTE CONFESSADOS.

Nenhum comentário:

Postar um comentário